Tags

Fashion Rio

sem categoria

Ney Matogrosso + Blue Man em vídeo

Marta Reis, Ney Matogrosso e Yamandú Costa no desfile da Blue Man
Todas as fotos créditos: Márcio Madeira/ press pass divulgação

Fiz o videozinho que tá aí em baixo durante o desfile da Blue Man que aconteceu no Teatro de Arena Gláucio Gill em Copacabana. A grife de moda praia volta a apresentar suas coleções no Fashion Rio. O verão 2011 é o primeiro desfile da marca sem seu fundador David Azulay que faleceu ano passado.

A coleção que agora tem assinatura de Marta Reis (que foi assistente de David por mais de 10 anos) foi inspirada na região espanhola da Andaluzia e em suas referências primordiais, a arquitetura moura e o flamenco.





E a grife volta às passarelas de forma triunfal convocando Ney Matogrosso e Yamandú Costa para compor a trilha sonora.

Ah! Na platéia, o ator José Mayer faz seu debut na primeira fila. Ele absolutamente não é habituée dos desfiles, mas foi prestigiar o trabalho de sua esposa Vera Fajardo, que fez a direção teatral.

A camerawoman que vos escreve ainda tem problemas com o zoom e com o foco, mas promete melhorar. Mesmo assim acho que dá para sentir a força de Ney cantando. Tive dó de editar e perder o Yamandú começando outra música. Bravo!

sem categoria

Fashion Rio – vocabulário básico

Começa o jogo de identificar as tendências da próxima temporada. Algumas palavrinhas já podem ser anotadas no dicionário do inverno 2010: ombros destacados, volume na parte de baixo e cintura marcada.

Andrea Marques
Claudia Simões
Maria Bonita Extra
Maria Bonita Extra
Juliana Jabour
Filhas de Gaia

Cavendish
Cantão
Coven

Aüslander
Acquastudio

Walter Rodrigues
Mara Mac
Graça Ottoni

fotos:
Agência Fotosite para FFW e Modices

sem categoria

fashion rio dia 04

A essa altura do campeonato não sei mais em que dia do Fashion Rio estou, quantos desfiles aconteceram. Só sei que hoje é o último dia e estou um pouco atrasada, não falei dos desfiles da segunda-feira. Aí vão algumas observações.

APOENA

Para quem não conhece, essa é uma grife de Brasilia que tem como ponto forte o bordado. O que vocês estão vendo nas fotos não são estampas e sim milhares de fios compondo as figuras. O trabalho é feito com ajuda de bordadeiras. Os colares enormes e feitos com milhares de miçangas finalizam bem os looks.



CANTÃO
A Cantão apostou em um clima Piratas do Caribe. E as Jack Sparrow cariocas são coloridas. Usam cores como “azul barbados, verde bahamas, amarelo bananas”. Há uma investida artesanal por meio dos macramês. Os acessórios de folha são da Muggia.




COVEN
A Coven é uma marca mineira que tem direção criativa da estilista Liliane Rabehy e tem como DNA o trabalho artesanal no tricô. Para muitos a grife não é novidade, mas para mim, de certa forma é. Eu já tinha vistos fotos dos desfiles, mas nunca havia conferido as peças ao vivo. Só a trama dos tecidos é motivo para palmas. Só a confecção dos tecidos pode demorar até 4 horas. Depois ainda tem todo o processo de produção da peça.